atitudes, feliz, felizes, futuro, hábitos, humor, Negatividade, pessoas, trabalho, vida,

No mundo de hoje exige-se demais e tudo com muita rapidez, por isso é necessário eleger prioridades.
Caso contrário, vamos estar sempre com a sensação de que não damos conta e nos sentindo incapaz e sofrendo.

De acordo com dois pesquisadores, apenas tentar ser feliz já pode melhorar a sua sensação de bem-estar.

A felicidade ou você cria, ou não.

Embora a felicidade às vezes seja percebida como um estado que pode ser alcançado através da realização de algum objetivo ou de se adquirir algum bem material, pesquisas realizadas mostram que também encontramos a felicidade quando eliminamos maus hábitos.

Motivos pelos quais você NÃO é tão feliz quanto deveria



Saiba quais as coisas que você precisa parar de fazer para ser mais feliz:

Colocar a culpa em outras coisas

Nós precisamos sentir que temos o controle das nossa vida para atingir a felicidade.
Por isso, colocar a culpa em outras coisas ou pessoas é algo incompatível com esse sentimento.
Quando você culpa alguém ou alguma circunstância pelas coisas ruins que acontecem, você automaticamente está decidindo que não tem controle da sua vida, situação que é horrível para o seu humor.

Excesso de controle

É difícil se sentir feliz sem ter controle sobre sua vida, mas você não pode ir longe demais nessa direção e acabar infeliz por tentar controlar demais as situações.
Isso é especialmente verdadeiro quando se trata de pessoas.
A única pessoa que você consegue controlar na sua vida é você.
Quando você sente a necessidade de controlar as atitudes dos outros, isso vai automaticamente o estressar e o deixar infeliz.
Mesmo que você consiga controlar alguém por um período, isso geralmente exige uma pressão na forma de medo ou de força, e tratar os outros desse modo não vai fazer com que você se sinta bem consigo mesmo.

Reclamar

Reclamar é algo problemático, assim como a atitude que precede isso.
Ao falar e pensar constantemente sobre como tudo está ruim, você reafirma suas crenças negativas.
Ao falar sobre o que incomoda você, pode ajudá-lo a se sentir bem com isso. Há uma linha tênue entre a reclamação terapêutica e o sentimento de infelicidade.
Além de não o fazer bem, reclamar ainda piora a situação dos outros.

Impressionar

As pessoas podem gostar das suas roupas, do seu carro, do seu trabalho, mas isso não significa que elas gostam de você.
Tentar impressionar as pessoas é um exemplo de infelicidade porque isso não o deixará feliz, não fará com que você ache pessoas que gostem de você e que o aceitem como você é.
Tudo o que você adquire que seja para impressionar os outros não vai o tornar uma pessoa mais feliz.
Há muitas pesquisas que mostram que coisas materiais não trazem felicidade.
Faça coisas que o deixam feliz, como ficar com seus amigos e família, e cuide de si mesmo.

Negatividade

As pessoas felizes fazem o tempo valer a pena.
Em vez de reclamar sobre como as coisas poderiam ter sido melhores ou como eles poderiam ser, elas refletem sobre como eles devem ser sempre gratos.
Depois, eles encontram a melhor solução disponível para o problema e, após resolvê-lo, elas seguem em frente.
Nada gera mais infelicidade do que o pessimismo.
O problema das atitudes pessimistas, além do estrago no seu humor, é que elas se tornam um ciclo: se você espera coisas ruins, você está mais fadado a ter coisas ruins.
Tente ficar nos fatos e você verá que as coisas não estão tão ruins como aparentam.



Deixar o presente

Como o medo, o passado e o futuro são produtos da sua mente.
A culpa não pode mudar o que já passou, e a ansiedade não pode mudar o que vai acontecer.
Pessoas felizes sabem disso, então eles focam em viver o presente.
É impossível atingir todo o seu potencial se você está constantemente em outro lugar, sem ser capaz de se dedicar completamente à realidade e o momento presente.
Primeiro, é necessário que você aceite seu passado, para poder criar seu futuro.
Depois, você precisa aceitar as incertezas do futuro, e não estabelecer expectativas desnecessárias pra você mesmo.

PARTE I: Elimine esses hábitos e seja mais feliz – I

1874